Follow by Email

domingo, 31 de março de 2013

Páscoa, Jesus ressuscitou... aleluia!


O medo e a confusão dominaram aqueles que tinham acreditado no amor. Como pode Aquele a quem tantos tinham curado, a que tantos tinham salvado não conseguira salvar a si mesmo! Os olhos não podiam acreditar naquela cena: no madeiro da
cruz estava morto Aquele a quem tantos tinham colocado a sua esperança de libertação.
Quando a esperança parecia ter ido embora, quando os projetos daqueles homens e mulheres, que deixaram tudo para seguir um certo homem de Nazaré,  parecia ter se frustado, quando parecia tudo estar acabado... eis que tudo se fez novo! Das trevas eis que surge a luz, da morte eis que surge a vida. Jesus ressuscitou! Aleluia!
Os mesmos olhos que viram a morte contemplaram a vida! Os olhos de homens e mulheres, que haviam acreditado num mundo transformado pelo amor, reconheceram o Mestre esperado e proclamaram: Jesus é o Filho de Deus ressuscitado!
Páscoa não se resume a lembrar somente do sacrifício e morte de Cristo, mas principalmente celebrar a alegria da vitória pela ressurreição.Páscoa é isso... é reconhecer que Jesus, Filho de Deus, ressuscitou e ressuscita a cada dia em nossa vida matando em nós o egoismo, a falta de fé, a incompreensão, a falta de amor.
Páscoa é ser capaz de mudar... de partilhar a vida na esperança, de lutar para vencer o pecado, é acreditar na vida que vence a morte. Páscoa é investir na fraternidade, é lutar por um mundo melhor, é vivenciar a solidariedade, é acreditar que tudo pode melhorar! Páscoa é uma nova chance de melhorarmos, de rever nossa vida, de mudar nossa rota, de mudar palavra, gesto e o coração.  É renascimento, é recomeço!


jesus_e_madalena

Feliz Páscoa a todos os visitantes do blog Catequizando com amor, aos seguidores, aos catequistas , aos catequizandos e famílias do Núcleo Santo Antônio , enfim a todas as pessoas que acolhem em sua vida como o único Salvador!
 

sábado, 30 de março de 2013

Páscoa- símbolos da Páscoa


Gif Jesus

 
Postarei uma sugestão legal que encontrei no blog Jardim da Boa Nova sobre os símbolos da Páscoa. É necessário conscientizar nossos catequizandos que a Páscoa é muito mais que ovos de chocolates e que seu símbolo principal não é o coelho, mas sim Cristo que se entregou na cruz por nós, mas ressuscitou ao terceiro dia para que tivessemos a vida em plenitude!
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

terça-feira, 26 de março de 2013

A cigarra arrependida e a formiga misericordiosa


 
Utilizamos esta peça na missa com crianças para podermos trabalharmos a mensagem central da liturgia. Ficou muito legal! Vejam abaixo o texto e postaremos também o vídeo da peça.
Narrador: Em uma linda floresta, em dia quente de verão, uma cigarrinha estava a cantar e sem se preocupar com o inverno que iria chegar!
Cigarrinha: Eu não vou trabalhar, eu não vou trabalhar, eu só quero cantar eu não vou trabalhar!
Narrador: E neste mesmo bosque existia uma formiguinha trabalhadeira, muito preocupada com o inverno que iria chegar... não poderia deixar para a última hora, pois era necessário juntar alimentos para os dias frios que viriam. Vendo a atitude da cigarra e movida de misericórdia a formiguinha falou:
Formiga: Dona Cigarra o inverno vai chegar, tenho que guardar comida e aconselho você a fazer o mesmo. Não fique somente a cantar, vá trabalhar!
Cigarrinha: Deixe de ser boboca, dona Formiga, o inverno está longe ainda, eu ainda tenho muito tempo... olha o que não falta é comida... (mostrar uma maça) Vamos cantar!
Narrador: Mas o tempo passou e vejam só! O inverno chegou e com o inverno chegou o frio intenso, a ventania! (colocar o cd da tempestade) E a formiguinha que tanto havia trabalhado foi para a sua casinha, ficar bem quentinha, com alimento, com cobertor... não precisava se preocupar ela havia recebido a recompensa pelo seu árduo trabalho.Já a cigarrinha... coitadinha não havia se preparado para aquele momento e ali no meio da tempestade com frio, com fome e a alegria que ela sentia foi embora. Pobrezinha!
Os outros animaizinhos da floresta a olhavam e diziam assim:
Animaizinhos( crianças do coral): Bem feito quem mandou ela não trabalhar, que morra de fome!
Narrador: Então a cigarrinha pensou que agora não tinha mais jeito para ela, ela estava de fato perdida iria morrer de fome. Ela se arrependeu por não ter ouvido os conselhos da formiguinha. Então a formiguinha de sua casinha viu a cigarra. E ai o que vocês acham que deve ser a atitude da formiguinha condenar ou perdoar, ter misericórdia pela cigarra?
Formiga: Dona Cigarra alimente-se e não faça isso mais de não se esforçar para ajuntar alimentos para o inverno.
Cigarra: Pode deixar dona formiga aprendi a lição a partir de hoje serei trabalhadeira como a senhora, pois foi a sua misericórdia e seu amor que me salvou.Obrigada e me desculpe por ter tratado mal.
(Cigarra e formiga se abraçam)
Formiga: Eu só queria te pedir uma coisa , vamos cantar:
(Musica)
Narrador: E você quer saber a moral desta fábula: não condene perdoe sempre assim como Jesus nos perdoa sempre.
 
 

Missa com crianças 5º domingo da quaresma- Jesus nos ensina a não condenar

No 5º domingo da quaresma a Catequese Santo Antônio juntamente com a catequese da Comunidade Santa Luzia ficaram responsáveis pela missa com crianças . Na liturgia deste domingo a grande lição que Jesus nos ensina é sermos misericordiosos e não condenar ninguém.
 
 
 
 
Foi uma linda celebração onde levamos as pessoas presentes a celebrarem e meditarem sobre a importância de se acolher aquele que erra e perdoar sempre. A missa foi presidida pelo pároco José Carlos de Oliveira. Para dinamizar a missa além das músicas cantadas pelos catequizandos do ministério de música  utilizamos também uma peça "A cigarra arrependida e a formiga misericordiosa". Ficou muito legal essa celebração. Veja algumas fotos:
 
Comentário inicial: Dinâmica o óculos da condenação e o óculos da misericórdia
 
 
 
 
 
Ritos iniciais
 
 
 
Liturgia da Palavra
 
 
 
 
 
 
 
Liturgia Eucarística
 
 
 
 
 
Ritos finais
 
 
 
 
 
 
 
Obrigada a todos que contribuíram para que esta missa com crianças pudesse ser realizada e principalmente obrigada ao senhor Deus que nos inspira e nos motiva em nossa missão!
 

segunda-feira, 25 de março de 2013

Sugestão de atividades- semana santa


Gif
Postaremos algumas sugestões de atividades sobre esta grande semana, em que celebramos a maior prova de amor... um Deus que nos dá a salvação pela sua entrega na cruz ! Mas a morte não o segurou e ao terceiro dia Ele ressuscitou... aleluia!
 
As atividades foram retiradas de vários blogs da internet:
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Semana Santa





 
A Semana santa também chamada de semana maior é o grande retiro espiritual dos cristãos católicos, que nos convida ao recolhimento, interiorização e reflexão sobre o grande mistério de um Deus que se entrega na cruz para salvar a toda a humanidade, uma entrega que culmina com a sua ressurreição- a Páscoa dos cristãos.
 
A semana santa inicia-se no Domingo de ramos e se estende até o Domingo da Páscoa. É a semana mais importante do ano litúrgico, quando se celebram de modo especial os mistérios da paixão, morte e ressurreição de Jesus.

Como surgiu a Semana Santa

O costume de celebrar a semana que antecede a Festa da Páscoa vem deste os primeiros séculos. Inicialmente as celebrações aconteciam somente na sexta-feira e no sábado. No século IV, essa semana chamava-se Hebdomada paschalis( semana pascal) e no século V passou a chamar Semana Autentica, em Roma. No oriente chamava-se Semana Maior. Durante este mesmo período começou a ser chamada de Semana Santa.
Inicialmente nesta semana as celebrações se reduziam á sexta-feira e ao sábado. Depois foi incluido também a quarta-feira , para lembrar o dia em que os judeus decidiram prender Jesus. Pelo ano 247 já se celebrava durante toda a semana, depois pelas igrejas européias . A partir do século IX e que essas celebrações chegaram a Roma.
 
 
 

 Domingo de Ramos- A Semana Santa começa no Domingo de Ramos, porque celebra a entrada de Jesus em Jerusalém montado em um jumentinho – o símbolo da humildade – e aclamado pelo povo simples, que O aplaudia como “Aquele que vem em nome do Senhor”.O sentido da Procissão de Ramos é mostrar essa peregrinação sobre a terra que cada cristão realiza a caminho da vida eterna com Deus. Ela nos recorda que somos apenas peregrinos neste mundo tão passageiro, tão transitório, que se gasta tão rapidamente. Mostra-nos que a nossa pátria não é neste mundo, mas na eternidade, que aqui nós vivemos apenas em um rápido exílio em demanda pela casa do Pai.O Domingo de Ramos nos ensina que seguir o Cristo é renunciar a nós mesmos, morrer na terra como o grão de trigo para poder dar fruto, enfrentar os dissabores e ofensas por causa do Evangelho do Senhor. Estar disposto a carregar a cruz com aquele que a levou até o Calvário sem abandoná-la. Estar disposta a defender o Cristo e a Igreja com novo ardor, e com novo ânimo renovado.
 
 
Quarta-feira santa- A Quarta-feira Santa é marcada pelo encontro de Maria com Seu Filho Jesus Cristo. Em várias cidades do Brasil, principalmente no interior, é realizada a Procissão do Encontro para lembrar este momento. Carregando a Sua cruz, depois de ter sido flagelado e condenado à morte, Jesus começa a Via-Sacra e encontra-se com Nossa Senhora.

Tríduo pascal- Na liturgia romana o Tríduo Pascal é ponto culminante: "não se trata de um tríduo preparatório para a festa da Páscoa, mas são três dias de Cristo crucificado, morto e ressuscitado. Tem início na celebração da Ceia do Senhor, na Quinta-feira Santa, na missa vespertina, terminando com o domingo de Páscoa". São dias dedicados a celebrações e orações especiais.
 
Quinta-feira santa- Ceia do Senhor e lava-pés
 A liturgia da Quinta-feira Santa nos fala do amor, com a cerimônia do Lava-pés, a proclamação do novo mandamento, a instituição do sacerdócio ministerial e a instituição da Eucaristia, em que Jesus se faz nosso alimento, dando-nos seu corpo e sangue. É a manifestação profunda do seu amor por nós, amor que foi até onde podia ir: "Como Ele amasse os seus amou-os até o fim".Nesta noite é celebrada a Instituição da Eucaristia e do sacerdócio. A Igreja reveste-se de branco, lembrando-se o esplendor da glória de Deus. Acontece também a cerimônia do lava-pés. Após a missa realiza-se a vigília eucarística.
 
Sexta-feira santa
 
 Único dia durante o ano em que não se celebra missa, apenas distribui-se a comunhão. Nesta celebração somos convidados a compreender e a viver mais profundamente o mistério da cruz: o sofrimento e a morte assumidos por Cristo foram em vista da nossa salvação. A Paixão segundo o Evangelho de João apresenta a cruz como glorificação de Jesus, ela é sinal de salvação e de vitória (cf. Jo 3, 14). A Cruz é símbolo de Cristo e da vida nova que ele nos oferece, por isso, ao reverenciarmos a cruz nós estamos adorando o próprio Redentor. A Oração Universal rezada nesta celebração nos faz lembrar que Cristo veio para que todos, sem distinção, tivessem vida em abundância. Neste dia também costuma-se realizar a procissão do senhor morto. É um dia muito especial de jejum, abstinência de carne, penitência, oração e profundo silêncio.

 
 
Sábado de Aleluia- Vigilia Pascal
 
 

 
Na noite, em que Jesus Cristo passou da morte à vida, a Igreja convida os seus filhos a reunirem-se em vigília e oração. Na verdade, a Vigília pascal foi sempre considerada a mãe de todas a vigílias e o coração do Ano litúrgico. No texto do Precónio pascal, chamado o hino “Exsultet” e que se canta nesta celebração, diz-se que esta noite é «bendita», porque é a «única a ter conhecimento do tempo e da hora em que Cristo ressuscitou do sepulcro! Esta é a noite, da qual está escrito: a noite brilha como o dia e a escuridão é clara como a luz». Por isso, desde o início a Igreja celebrou a Páscoa anual, solenidade das solenidades, com um vigília noturna.A celebração da Vigília pascal articula-se em quatro partes: 1) a liturgia da luz ou “lucernário”; 2) a liturgia da Palavra; 3) a liturgia baptismal; 4) a liturgia eucarística.A Vigília Pascal nos liga e nos introduz na celebração do Domingo da ressurreição e nos move para a festa dos cinqüenta dias de festa: “Este é o dia que o Senhor fez para nós. Alegremo-nos e Nele exultemos” (Sl 118). Mas a missa da Vigília é a verdadeira missa da Domingo de Páscoa. As outras missas durante o domingo são prolongamento da Vigília e mantém o clima pascal festivo.
 
Domingo de Páscoa
 
É o aniversário do triunfo de Cristo. É a feliz conclusão do drama da Paixão e a alegria imensa depois da dor. E uma dor e alegria que se fundem pois se referem na história ao acontecimento mais importante da humanidade: a redenção e libertação do pecado da humanidade pelo Filho de Deus.      São Paulo nos diz : "Aquele que ressuscitou Jesus Cristo devolverá a vida a nossos corpos mortais".
A mensagem redentora da Páscoa não é outra coisa que a purificação total do homem, a libertação de seus egoísmos, de sua sensualidade, de seus complexos, purificação que, ainda que implique em uma fase de limpeza e saneamento interior, contudo se realiza de maneira positiva com dons de plenitude, com a iluminação do Espírito, a vitalização do ser por uma vida nova, que transborda alegria e paz - soma de todos os bens messiânicos-, em uma palavra, a presença do Senhor ressuscitado. São Paulo o expressou com incontida emoção neste texto: " Se ressuscitastes com Cristo, então vos manifestareis gloriosos com Ele".
 
 
 

segunda-feira, 18 de março de 2013

Primeira Eucaristia comunidade Santo Antônio


“A Eucaristia é o nosso tesouro mais precioso. Ela é o sacramento por excelência; introduz-nos antecipadamente na vida eterna; contém em si todo o mistério da nossa salvação; é a fonte e o ápice da ação e da vida da Igreja”. – Papa Bento XVI

 
No dia 22 de fevereiro foi realizado a Eucaristia de 11 catequizandos pertencentes a nosso núcleo de catequese da Comunidade Santo Antônio. a missa foi presidida pelo pároco José Carlos de Oliveira e contou com a presença da comunidade. Foi um momento muito alegre para nós catequistas.
 
 
Catequizandos da turma da Eucaristia Encontro com Cristo II que receberam a Eucaristia pela primeira vez:
 
Amanda
 
 
 
Lívia
 
 
Emilly
 
 
 

Kemilly
 
 
 
Wellington
 
 
Matheus
 

 
 
 
Maria Fernanda
 
 
 
 
Denilson
 
 
 
 
Bruno
 
 
 
Lucas
 
 
Geraldo
 
 
 
Veja algumas fotos da celebração Eucaristica:
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Que Jesus abençõe a cada catequizando que recebeu a Eucaristia pela primeira vez. Que Jesus Eucar;istico possa ser alimento para a alma, força para a caminhada. Que esta seja a primeira de muitas eucaristias que eles vão receber e que eles possam a cada dia cultivar mais e mais esta amizade com Jesus, o amigo melhor!