Follow by Email

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Cores litúrgicas

Quando participamos da celebração da Santa Missa, percebemos que os ornamentos  do altar, do tabernáculo, do ambão e até mesmo a estola do sacerdote combinam todos com uma mesma cor. Percebemos também que a cada tempo litúrgico essas cores vão sendo mudadas.
Cada cor utilizada na liturgia possui um significado e as diferentes cores visam manifestar externamente o caráter dos mistérios celebrados na liturgia e a consciência de que a cada celebração não somos os mesmos, mas progredimos rumo à mudança de atitude e conversão de vida. As cores litúrgicas foram fixadas em Roma no século XII. A diversidade das cores nos paramentos sagrados, ao longo do ano litúrgico, exprime o carácter próprio de cada um dos tempos e festas que celebramos


Verde: Simboliza a esperança. O verde também nos lembra a natureza, indica crescimento e vida, tempo de crescer com a Palavra de Deus no cotidiano de nossa vida. Usado nos domingos do Tempo Comum e nos dias da semana.

Vermelho: Simboliza o fogo do amor, da caridade ou do martírio. Lembrando o fogo do Espírito Santo, é a cor de Pentecostes. Lembrando o sangue, é a cor usada nas Festas dos Santos mártires, no domingo da Paixão (domingo de Ramos) e na sexta-feira santa.
 
Roxo: Simboliza a penitência, contrição, serenidade. Usado no Advento e na Quaresma. Pode também ser usado nas missas pelos mortos e na confissão.

Róseo/ Rosa: Simboliza a alegria dentro de um tempo destinado à penitência. Pode ser usado no 3º domingo do Advento (Gaudete) e no 4º domingo da Quaresma (Laetare).

Branco:  Simboliza a vitória, a paz, a alma pura, a alegria. Usado na Páscoa, no Natal, nas Festas do Senhor (exceto as da Paixão), de Nossa Senhora e dos Santos não-mártires. As cores dourada e prateada podem ser usadas nos dias festivos, em substituição ao branco.

Preto: É sinal de tristeza e luto. Hoje é pouco usado na liturgia.

Azul: Usa-se para as celebrações em honra da Virgem Maria, sendo, no entanto, um privilégio. O azul não é uma das cores litúrgicas previstas pela IGMR(INSTITUTIO GENERALIS MISSALIS ROMANI) , mas seu uso é largamente difundido no Brasil.



Um comentário:

  1. Acho que todos os católicos deveriam pesquisar e estudar a Igreja, para poder entender o sentido de tudo. Obrigada pelas informações, elas me fazem uma católica melhor, mais consciente de minhas responsabilidades a partir do conhecimento.

    ResponderExcluir