Follow by Email

domingo, 13 de abril de 2014

A liturgia da semana santa- Domingo de ramos



Na semana santa a Igreja celebra os sagrados mistérios da Paixão, Morte e Ressurreição do Senhor; encarnado para no martírio da cruz e na vitória sobre a morte, dar a todos os homens para a graça da salvação.

A semana santa inicia-se com o Domingo de Ramos- onde recordamos e celebramos a entrada triunfal de Jesus em Jerusalém, aclamado rei dos judeus. A Igreja recorda os louvores proclamando: Hosana Filho de David! Bendito que vem em nome do Senhor! (Lucas 19,38)
O grande simbolismo da entrada triunfal de Jesus em Jerusalém em um jumentinho era deixar claro que Ele não era o Messias politico, temporal mas um Messias que viria libertar o povo do pecado, raiz de todos os males.

A procissão de ramos tem como objetivo apresentar a peregrinação que cada cristão faz sobre a terra buscando a vida eterna ao lado do Senhor. Os ramos que levamos nesta procissão nos fazem lembrar que somos batizados, membros da igreja de Cristo. Os ramos que levamos para a casa após a benção e procissão de Ramos lembra-nos que estamos unidos a Cristo na mesma luta pela salvação do mundo, a luta árdua contra o pecado, um caminho em direção ao calvário, mas que chegara a salvação.
A celebração do Domingo de Ramos convida a cada um de nós a seguirmos Jesus e acolhermos não como o Rei deste mundo, mas o Rei do novo Reino- Reino de Deus. Seguir a Jesus significa renunciar a nós mesmos , a morrer para a vida das trevas para que possamos ressuscitar com Cristo na Pascoa .




Nenhum comentário:

Postar um comentário