Follow by Email

quarta-feira, 7 de março de 2012

Palavra de Deus - nosso tesouro



" Lâmpada para os meus pés e luz para o meu caminho."- A Bíblia na catequese tem que ocupar lugar de destaque, pois através da Bíblia temos contato com Deus que é amor. Toda a Bíblia é uma demonstração de amor por um Deus que nos ama tanto que enviou seu filho amado para nos salvar. Devemos cultivar no coração de nossas crianças e adolescentes o amor e respeito pela Palavra de Deus e o desejo de conhecê-la cada vez mais.

No início do ano para apresentarmos este precioso livro para os catequizandos de 04 a 09 anos utilizamos a seguinte dinâmica:

Material : Uma caixa de sapato ( encapada com papel colorset preto), rostinhos de cartolina (alegre, triste, espantado, apaixonado ), um pergaminho, uma figura de Jesus.

 Desenvolvimento: 

  • Contar a história abaixo:



No princípio a Bíblia não era escrita como é hoje. Lá em um tempo bem distante no tempo de Abraão, Moisés, José do Egito eles já conheciam o nosso Deus e já provavam o seu amor e fidelidade. E todas as pessoas daquela época começaram a falar neste Deus que fazia maravilhas pelos seus povos. Então este povo sentiu necessidade de escrever sobre as maravilhas que este Deus tão bondoso fazia. Então a Bíblia começou a ser escrito em pergaminhos ( retirar da caixa encapada o pergaminho). Mas estes pergaminhos eram muitos e difíceis de carregar. Mas o tempo foi passando as coisas foram melhorando... um dia então um santo querido da nossa Igreja, São Jerônimo,  quis organizar a Bíblia para que todos pudessem conhecer mais a Bíblia. O tempo passou a modernidade chegou e a Bíblia ficou como a conhecemos hoje. Hoje todos podemos ter um Bíblia em casa e conhecer o amor de Deus por nós. Você conhece a Bíblia, já teve curiosidade em ler este livro tão bonito.

  • A Bíblia tem 73 livros e é dividida em Velho Testamento(histórias antes de Cristo) e Novo Testamento (histórias depois de Cristo e dos inícios da Igreja Cristã). 
  • Na Bíblia encontramos histórias felizes como a da viúva de Naim que tinha perdido seu único filho, mas veio Jesus e o ressuscitou e seu coração ficou cheio de felicidade(mostrar rostinho alegre), história tristes como aquele rei malvado chamado Herodes que querendo matar Jesus mandou matar todas as criancinhas que tivessem menos de 02 anos que maldade... (mostrar rostinho tristes). 



  • Histórias engraçadas como aquele em que o jumentinho  falou a Balaão, o profeta de Deus,  que não queria ouvir a vontade de Deus (mostrar o rostinho engraçado), histórias que nos deixam surpresos  como aquela em que o anjo aparece a Zacarias e falou  que ele e Isabel  teriam um filho, mas imaginem só eles já eram bastante velhos, não podiam mas ter filhos... mas Deus mais uma vez mostra o seu poder e fidelidade e de Isabel nasce João Batista que iria preparar os caminhos do Senhor. 




  • A Bíblia conta história de animais quando Jesus fala que devemos ser como os pássaros do céu e confiar na misericórdia de Deus ou quando fala que Deus quer ter a gente juntinho dele assim como uma galinha com seus pintinhos, embaixo de suas asas( mostrar a plaquinha com os bichinhos). Mas a Bíblia nos conta também uma história apaixonante, a mais linda história de amor ( mostrar o rostinho apaixonado) a história de um Deus que mesmo a gente pecando, mesmo sem merecer Ele enviou o seu único filho para que pudesse nos salvar. Lá na cruz Ele deu a vida por cada um de nós, lavou os nossos pecados com o seu sangue e nos deu a oportunidade de sermos felizes de novo... minha gente, isto que é amor de verdade! E sabe que o melhor nesta história de amor é que ela teve final feliz, pois ao terceiro dia Jesus ressuscitou  e hoje está vivo e mora em nosso coração(mostrar a imagem de Jesus). Por isso podemos ser felizes.




  • E vocês crianças não percam tempo leiam este livro que conta esta bela história de amor porque na Bíblia é o próprio Deus que fala a cada um de nós em nosso coração. E contem também a todas as pessoas que vocês conhecerem as belas histórias que vocês lerem na Bíblia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário